O conto de fadas

Mais escolhas do que você pode sonhar.

Beth Yarnelle Edward

This article is available in:

Sua mãe te conta uma história antes de você se deitar e você acredita. Ela conta que você pode ser o que quiser quando crescer. Ela diz que você é uma pessoa única e valiosa e que você nunca deve se esquecer disso. Ela diz que que você tem muita sorte e que o mundo é a sua ostra. E ela está certa. Você vive num época excepcional. Você viajará distâncias mais longas em um único dia do que muita gente viajou durante toda sua vida apenas um século atrás. Você terá opções de comida que reis ingleses e príncipes otomanos sequer poderiam imaginar. Você eventualmente passará mal de tanto se encher de açúcar, a moeda do mundo e o prêmio dos impérios. Você viverá mais do que qualquer geração antes da sua. Seu guarda-roupas terá tecidos que uma vez estiveram além do alcance das grandes civilizações. Ossos quebrados não mais te impedirão de se movimentar. Se você nasceu menina, poderá se transformar num menino. Se você nasceu menino, poderá se transformar numa menina. Você pode quebrar tradições sem provocar mortes. Você pode melhorar sua fisiologia e trocar seus órgãos. Você pode assumir a identidade que desejar. As palavras dela te ajudam a mergulhar num sono maravilhoso. Ela é cuidadosa ao não explicar que essa ostra não é para todas as crianças do mundo e nem que tanta sorte assim está fazendo a Terra doente.

Isso arruinaria a história.

—Darren Fleet

Traduzido por Carlos Alberto Jr.